Maconha 2

4368
(foto: reprodução internet)

Esta semana comecei a fazer terapia novamente. A primeira sessão foi ótima, muitas perguntas, muitas respostas. Mas uma informação em especial me surpreendeu, e como já falamos sobre o assunto uma vez aqui no blog e até hoje é um dos meus posts mais comentados, achei legal compartilhar isso com vocês.

A clínica que frequento é especializada em tratar dependentes químicos – o que não é meu caso -, e fui informada de que a maconha é a droga que mais causa psicoses, crises de pânico e outras “paranóias”. Quando a terapeuta me perguntou se eu usava drogas, respondi na maior tranquilidade que tinha fumado “só” maconha algumas vezes na adolescência e a resposta foi essa: “Você deu muita sorte, já pensou se hoje você fosse dependente química? A maconha é a droga que mais abre portas para distúrbios psíquicos. Para quem já tem uma predisposição então…”

É mais uma informação dada por uma especialista para que a gente possa pensar e discutir. Lembrando que não faço campanha contra nem a favor da maconha, meu único objetivo é informar e ajudar no que for possível. Abraços a todos, paz e coragem!!!

29 COMENTÁRIOS

  1. ENGRAÇADO JÁ USEI MACONHA NA MINHA ADOLECENCIA NO PERIODO JA USEI COCAINA UMAS 3 VEZES , POREM NAO TIVE PROBLEMAS , QUANDO ERRA MAIS NOVO AS DROGAS PARREI QUANDO CRIEI UM CERTO JUIZO , FAZ UNS 3 ANOS QUE NAO FUMO SÓ FUMAVA DE ZUEIRA MEU PROBLEMA ERRA BEBIDA ALLCOLICA , JÁ TIVE BAD TRIP VIXI FOI MUITO TENSO MAS SUPEREI NORMAL NÃO TIVE CRISES DE ANSIEDADE , FAZ MUITO ANOS QUE TIVE DEPOIS DAS CRISES DE ANSIEDADE , MEU MAIOR PROBLEMA É QUE NÃO CONSIGO SUPERAR OS RANCORES E PROBLEMAS DO PASSADO TIVE UMA INFANCIA DIFICIUL , HOJE TOME ESC, E TAMBEM ANSITEC QUE É OTIMO PARA MIN ME SINTO MUITO MELHOR , POREM FICO COM PÉ ATRÁS POR TALVEZ QUANDO VOOU PARAR DE TOMAR ESSES REMEDIOS .

    • Hoje em dia, e isso já tem uns três anos, não tenho mais crises, felizmente! Mas tomo medicação diariamente e faço terapia. Essa combinação foi a que deu certo comigo e que defendo por esse motivo. Não posso afirmar que há cura, mas há como controlar os sintomas, as crises.

    • que legal! <br />Muito obrigado pela reposta! voce me da esperancas :)<br /><br />se Deus quiser vou conseguir ficar meses e anos de bem com a vida sem crise.<br />Obrigado pela dica da medicaçao e terapia. vou tentar seguir. algum caminho nesse sentido eu vou seguir..<br />Nao da mais pra ficar parado assistindo a crise consumir minha vida dia apos dia… pq o tempo vai passando, olho pra traz

  2. tambem aconteceu comigo. A tal da maconha! Fumei soh uma vez e, como o amigo la em cima, dei uns 3 tragos forte e segurei… nem tive brisa boa.. comecei a sentir o corpo pesado.. achei que nao conseguia me levantar da cadeira.. mas consegui com ajuda do meu amigo.. fui anda.do lentamente apoiado nele… me esforcei pra pedir um.copo de.agua, qse.n conseguia falar… tomei e fui andando

  3. Parabéns pelo Blog! Acabei de encontrar e já estou encantada. Sofro de TAG e tenho episódios de pânico e logo no inicio das crises procurei uma psiquiatra que de cara me receitou remédios. Tomei durante dois anos apenas remédios, sem fazer terapia. As crises melhoraram mas quando começava a parar de tomar elas vinham bem piores. Resultado, hoje vejo que os remédios não me ajudaram em quase nada e

    • Obrigada, Medeiros Freire. Eu também me sinto uma pessoa muito melhor hoje em dia, sem sombra de dúvidas. Siga firme no seu propósito de montar seu grupo, eu montei o meu e tenho muito orgulho dele! Essa troca de informação é muito importante e reconfortante. Um grande abraço, saúde e coragem!

  4. Boa noite. Também sofro de crise de ansiedade e já tive vários episódios de panico. Tive a primeira crise aos 17anos, após ter fumado maconha. Tive q tomar medicação e fui para a terapia onde a minha terapeuta informou que quem tem propensão a apresentar Síndrome do panico, depressão e esquizofrenia a maconha acelera o processo. E foi exatamente oq aconteceu cmgo. Nunca mais cheguei perto de nda.

  5. Era pra ser só uma noite de domingo comum, mas não foi.<br />Sempre curto dar umas 9 bolinhas, já tem 1 ano que fumo toda semana, pelo menos 3 vezes na semana, sempre a partir de 23h, pra ajudar no sono, ter uma onda legal, ficar de boa na net e tal…<br />Ontem, dia 8 de outubro, as coisas não saíram como pretendia.<br />Fumei, e voltei pra casa.<br />Deitei na minha cama como de costume, e de

  6. Hello. Great job. <br />Ofcourse, what a great site and informative posts. <br />[b][url=http://www.leprophete.fr]iwacu[/url] [/b] <br /> <br /> <br />Anyhow keep up the good work. <br />Cheers!

  7. Agora que li alguns comentários. Me dei a liberdade e escrever mais uma coisa. <br />Pessoal, não usem ANSIOLITICOS de primeira, tentem medidas naturais, como exercicios leves, tecnincas de respiração, homeopatia, florais, tentem de tudo primeiro a naõ ser que seu caso seja muuuuito grave. A maioria dos médicos hoje em dia passam ansioliticos para os pacientes sem nem esperar que o corpo se

  8. Bom dia,<br /><br />estava procurando por técnicas de respiração e achei um post neste blog. Resolvi olhar os outros post e neste em especifico gostaria de comentar que eu fui usuária de maconha e derivados (tipo haxixe e skank) durante alguns anos. Hoje em dia luto contra transtornos de ansiedade e depressão causados por conta de paranoias devido ao uso constante. Vale lembrar que junto a isso

  9. Cara &#39;Sem Transtorno&#39;, demais amigos (as) tenho 34 anos, homem, resido em Sao Paulo. Há cerca de três meses atrás, a partir de uma alta de pressão em casa (coisa que nunca tinha tido), me assustei muito no momento e acredito que junto com a alta de pressão, tive minha primeira crise de sindrome do pânico. Até então, nunca tinha reparado em nenhuma característica de ansiedade. Mas a

  10. Olá a todos,<br />Eu usava drogas. Maconha, lsd, ecstasy… especialmente lsd. A última vez que usei drogas, foi ecstasy, há 1 ano atrás, tive um ataque de pânico que não passou durante longos e desesperadores 5 meses. Eu achava que estava enlouquecendo, sentia a realidade distorcida, uma angústia imensa, coração disparado, tinha certeza de que ia morrer… quando percebi que não ia morrer após

  11. Muito bom o teu blog, me mostrou que não sou o único com certos sintomas. Essa maldita sindrome me deu pela segunda vez, sexta-feita 13/04 e desde então todo dia, toda hora, o dia todo sinto coisas ruins. Procurei alguem com o mesmo sintoma que fica do meu lado toda hora, que é que parece que as pessoas falam, mas parece que elas tão em um tunel, não consigo levar muito atenção nas coisas, mas

  12. Olá! Nossa! seu blog ta sendo de grande ajuda pra mim, to pesquisando algumas coisas sobre esses transtornos e seus posts sobre esses trem mais a maconha me foram de muita informação. Minha mãe tem depressão e toma alguns &quot;remédiozinhos&quot; e eu fico pensando se esses trem tem predisposição genética a ponto de eu ter uma &quot;quantidade rezoavel de bad trips no meu curriculo&quot;…

  13. É engraçado porque conheço muitas pessoas que fumam mais de três, quatro baseados por dia há anos e nunca relataram episódio nenhum de ansiedade. Eu mesma fumo há dois anos e no último ano passei a fumar também por volta de quatro becks por dia, ou perto disso. De seis meses para cá aconteceram muitas coisas ruins na minha vida, mas ruins mesmo, coisas que me complicaram demais e passei a ter

  14. Olá! Vim parar a este blog quando pesquisava sobre ansiedade no google e fiquei muito feliz ao ler tantos posts e testemunhos de pessoas que sofrem de ansiedade e pânico. Não por existirem tantas pessoas assim, claro, mas por não me sentir sozinha no mundo…<br />Sou de Portugal, e não sei se no Brasil é diferente mas cá não há muitos cuidados para quem sofre de ansiedade. Em 2008

  15. Oi, Valéria, muito obrigada pelo seu comentário. Uma vez me perguntaram se eu acreditava em Deus e me disseram que sente medo aquele que não acredita. Faz sentido, não? Como não sentir medo se você não acredita (confia) em alguma coisa? Que bom que vc consegue acreditar e que isso esteja te fazendo tão bem! Vou visitar seu blog sim. Abração e volte sempre!

  16. Olá querida,estou lendo seu Blog,<br />Adorei.Eu também já sofri muito com transtorno de ansiedade e algumas crises de pânico.Mais hoje graças a DEUS voltei a sorrir.Faço tratamento já foi reduzida a dosagem da medicação e estou ótima!!Mais eu atribuo toda a minha recuperação a uma grande benção que DEUS me concedeu.Por isso criei o meu Blog para dar meu testemunho.http://

  17. Gostaria de parabenizar pelo blog. Sempre passo por aqui e fico feliz com todas as informações compartilhadas. Sofro de ansiedade também. Tive crises de pânico e meu diagnóstico, segundo minha terapeuta, é neurose obsessiva. Sofro muito com minhas obessões, mas não chego a ter compulsões. Gostaria de sugerir abrir o leque de abordagens no quesito ansiedade. Muita gente sofre com algum tipo de

DEIXE UMA RESPOSTA